sábado, 19 de setembro de 2009

A Espada era a Lei(The Sword in the Stone)


"A Espada era a Lei" é a 18º longa metragem da Disney. O filme estreou em 1963 nos E.U.A..
O filme é baseado no romance "The Sword in the Stone" de TH White, cuja a primeira edição foi publicada em 1938 como um único romance. Pusteriormente o livro foi reeditado em 1958 como o primeiro livro da tetralogia "The Once and Future King".
A história foi adaptada por Bill Peet e realizada por Wolfgang Reitherman. Foi o primeiro filme Disney com canções dos irmãos Sherman.


História

Com a morte do Rei de Inglaterra, o país mergulhou numa profunda tristeza, porque o rei não tinha herdeiros.
Foi colocada uma bela espada numa rocha e quem conseguisse tirar a espada tornava-se Rei de Inglaterra. Muitos tentaram mas sem sucesso.
Ao mesmo tempo, um jovem órfão chamado Artur, servia num velho castelo. O rapaz tinha sido adoptado por Sir Heitor. Um dia, durante uma caçada, Artur perde-se na floresta e entra por acaso na cabana de Merlin, um mago muito inteligente. Ao ver Artur, Mérlin sente que o menino tem um futuro brilhante pela frente, e decide educa-lo com ajuda da sua fiel coruja, Arquimedes.
Mérlin auxilia-se da sua magia para ensinar algumas lições e valores morais a Artur. O rapaz torna-se por momentos num peixe, num esquilo e até num pássaro. Durante uma lição como pássaro, Artur entra sem querer na casa da Madame Mim,uma feiticera inimiga de Mérlin. Esta tenta matar Mérlin e Artur. Mas Melin segue o seu lema, "usar a cabeça em vez dos músculos", e consegue derrotar Mim.
Entretanto Sir Kay, o filho de Sir Ector, vai participar num torneio o de cavaleiros em Londres e Artur vai ser o seu escudeiro. O rapaz esquesesse da espada de Kay e tenta tirar a espada sagrada da rocha. Para espanto de todos, Artur tira a espada e torna-se o Rei de Inglaterra.


O filme terá estreado em Portugal nos cinemas em 1965. Mais tarde passou na RTP e em 1989 foi editado a primeira vez em VHS com dobragem brasileira.
A dobragem portuguesa só foi produzida para edição em DVD do 45º aniversário do filme.

Dobragem Portuguesa
Direcção de Dobragem:Carmen Santos
Tradução e Adaptação:Rita Salgueiro
Direcção Musical:Pedro Gonçalves
Tradução das Letras:Pedro Gonçalves
Estúdio:Matinha Estúdios

Personagens

Artur

Voz-Rickie Sorensen/André Raimundo

Mérlin/Merlin

Voz-Karl Swenson/Magalhães Graça/Pedro Pinheiro

Arquimedes

Voz-Junius Matthews/Orlando Drummond/Rui Paulo

Madame Min

Voz-Martha Wentworth/Ida Gomes/Isabel Ribas

Sir Ector/Sir Heitor

Voz-Sebastian Cabot/João de Carvalho

Sir Kay

Voz-Norman Alden/Carlos Macedo

*Dobragem Original
*Dobragem Brasileira
*Dobragem Portuguesa


Prémios

-Oscares
Nomeação para Melhor Banda Sonora Adaptada


Videos

Figitus Higitus

Versão Brasileira



Versão Portuguesa



Produtos do Filme

VHS


DVD


DVD-Edição 45º Aniversário


BD



Comentário
Mais uma grande filme Disney.
Não gosto de uma coisa na dobragem portuguesa, chamam o "Mérlin" de "Merlin", ou seja, sem acento. Fica um bocado estranho!

Comentem!!

3 comentários:

AsUkA disse...

Um dos meus filmes Disney preferidos mas sempre em brasileiro (é do hábito)! Adoro a parte do peixinho =D

José Luiz disse...

só tive mais recentemente o dvd mas adorei o filme
é o melhor filme da disney!

Mariana disse...

Eu adoro o Arquimedes:)