sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Era uma vez o Homem


A série "Era uma vez o homem" foi criada e realizada por Albert Barillé nos estúdios Procidis em 1978. "Era uma vez o homem" conta a história do Homem, as origens da vida. A acção está centrada na vida familiar, de episódio em episódio, encontramos os mesmos personagens a braços com os problemas do seu tempo.A Toccata e Fuga em D menor de JS Bach serviu como genérico, a restante banda sonora foi composta por Yasuo Sugiyama. Esta notável série contribuiu essencialmente para várias gerações de espectadores terem uma paixão pela história da humanidade, através das aventuras de Pedrito e os seus muitos descendentes. Esta série foi um projecto europeu, com a participação do FR3 (França Regiões), CBC, a RAI (italiano Broadcasting), + SSR (Sociedade Suíça de Radiodifusão e Televisão), RTBF (rádio e televisão belga) BRT (Radiotelevisão Belga), KRO (Holanda), N K (Norsk Rikskringkasting), SR (Sveriges Radio AB), RTVE (Televisão Espanhola), contou também com a participação do estúdio Tatsunoko do Japão . Foram produzidos 26 episódios de 25 minutos.
Esta série foi a primeira de seis séries de sucesso dos mais variados temas, desde o corpo humano e os descobridores.

A série passou a primeira vez na RTP em 78/79 em Francês com legendas em português. Passou novamente no inicio dos anos 80 e no inicio dos anos 90, sempre na versão original.

Genérico


Como de costume foram lançados vários produtos para o mercado entre os quais:


Caderneta de cromos



Uma colecção de revistas com todas as histórias da série



Entretanto a Planeta Deagostini editou uma colecção de livros e vhs(agora dvds) da série "Era uma vez o homem". A série foi dobrada para esta edição nos estúdios Matinha.


Reclame(1996)



Excerto do 2º episódio



Comentem!!

10 comentários:

Fã da TV e Cine disse...

Parabens.

Mas dis-me uma coisa q sempre quis confirmar: é verdade que a série voltou a ser dobrada para corrigir entretanto, factos que se descobriram errados e não passar essa informação ás criançar?

Cumprimentos

Desenhosanimados disse...

Não sei disso, mas vou investigar!!

João Maria disse...

O Albert Barillé faleceu esta quarta feira aos 88 anos en Neuilly, nos arredores de Paris. :_(

Anónimo disse...

Eu tenho a coleccao completa das revistas. A minha Mae comprou-as todas quando a minha irma e eu ainda eramos muito pequenos, "para quando eles crescerem".
Desculpem nao usar acentos, mas o meu teclado e' estrangeiro e nao tem acentos.

Ana Costa disse...

Eu vivo na Bélgica e o ano passado comprámos todos os DVDs, em francês claro, do "Era uma vez o Homem" e "Era uma vez a Vida", com a desculpa que era para mostrar à nossa filha, LOL! Adorei rever todos os episódios! Agora queremos comprar as outras séries.

Eduardo Kowalewski disse...

Olá, companheiro lusitano. Sou do Brasil, há algum tempo soube desta série animada maravilhosa, a qual descobri por acaso na Wikipédia há uns 3 anos atrás, pelo que me recordo, e assisti alguns episódios em língua espanhola no Youtube. Recentemente consegui um torrent com todos os episódios de Era uma vez o Homem no português de Portugal. Até onde sei, esta série nunca passou no Brasil, e se sim, provavelmente em algum canal impopular, como a antiga TV Educativa (Hoje TV Cultura). Uma pena realmente se ela nunca passou. Gostaria de tê-la visto numa dublagem brasileira, que provavelmente seria a extinta Herbert Richards, dada a época.

andressa melo disse...

Olá,

Sou Professora e gostaria de utilizar muito essa série na escola, entretanto, só consigo encontrar os vídeos dublados em português de Portugal. Alguém sabe informar se foi produzida dublagem no Brasil?

Nathasha disse...

A serie foi lançada no Brasil também. Quando pequena minha mãe nos comprou os vhs em português daqui. Já não os tenho mais pois não tenho o aparelho para reproduzir, e adoraria de achar a serie para a minha filha. Bem que podiam relançar aqui...

Anónimo disse...

Andressa Melo essa série nunca foi exibida no Brasil.

Anónimo disse...

Essa série foi exibida sim aqui no Brasil, apesar que na Wikipedia diz que não, mas eu assisti e era em portugues do Brasil, só que não lembro o canal que passava, mas lembro que era às 06:00, pois assistia antes de ir para a escola.